Kiryat Gat


   



Breve Histórico da Cidade
 

            A criação de Kiryat Gat começou em 1955 com a chegada de 18 famílias marroquinas ao local. Em 1969, já havia cerca de 17 000 habitantes na cidade e, em 1972, Kiryat Gat foi elevada para o nível de cidade, se tornando o 31° município de Israel.

Atualmente

           A cidade conta com cerca de 48 000 habitantes, tendo sido inicialmente povoada por judeus mizrachim (provenientes dos países árabes e/ou orientais).  Com as imigrações da antiga URSS, hoje 1/3 dos judeus de Kiryat Gat são egressos do ex-bloco socialista.

            A economia no início era baseada na indústria têxtil, mas a principal indústria fechou na década de 90. Em 1999 o governo israelense forneceu 525 milhões de dólares para a fábrica de computação Intel construir uma planta (para a produção de chips e processadores Pentium 4). Em 2006, a Intel começou a construir outra fábrica, que será posta em funcionamento na segunda metade de 2008.

            Kiryat Gat tem uma das maiores taxas de desemprego de toda Israel. Existem 15257 trabalhadores assalariados e 1152 trabalhadores autônomos. A média salarial para um trabalhador assalariado é de 4125 shkalim (New Israeli Shekel) e a de um trabalhador autônomo é de 5494 shkalim. A educação (ensinos fundamental e médio) na cidade é representada pelas 25 escolas existentes em Kiryat Gat e pelos seus 10676 alunos.  A cidade também conta com um centro de absorção para a população judaica etíope que reside em torno de 2 anos no centro;além disso latino-americanos também ficam por alguns meses no estabelecimento.